Tags

A Prefeitura de Sorocaba, por meio da Controladoria Geral e da Seção de Sistemas, realiza um trabalho conjunto no desenvolvimento de um projeto-piloto de integração de dados chamado CAD – Controle e Análise de Dados.

Sem custo algum ao setor público, o CAD foi idealizado por funcionários da Prefeitura e possibilitará a integração de dados entre as Secretarias municipais.

O principal objetivo do CAD é fornecer informações estratégicas, que facilitarão o planejamento e a tomada de decisões para diversas áreas da Prefeitura. O trabalho possui a participação das secretarias da Educação, Saúde, Licitações e Contratos, Fazenda, Conservação, Serviços e Obras, além da Ouvidoria. As demais Secretarias ainda serão adicionadas nas próximas etapas do projeto.

Como vai funcionar?

De acordo com o analista de sistemas Willian Finamore, um dos idealizadores, responsável técnico da plataforma de integração de dados, e líder técnico do projeto CAD, o CAD é uma solução que concentrará os dados de diversos setores da Prefeitura, possibilitando que os gestores possam acessar informações não apenas da sua secretaria, mas também de todas as outras. “Isso vai possibilitar mais e melhores subsídios para a formação de novas políticas públicas”, detalha Finamore.

Meio de troca de informações entre os setores públicos, a plataforma será alimentada pelas variadas bases de dados das Secretarias o que leva à participação das pastas ser fundamental. “O melhor acesso à informação poderá propiciar o melhor uso dos recursos públicos, se convertendo em melhor qualidade na prestação de serviços à população”, ressalta o Controlador Geral, Calixto Jr.

O CAD possibilitará aos gestores cruzarem variados tipos de dados para obter informações. Por exemplo, a Controladoria precisa ter uma visão de execução orçamentária pois, cruzando informações com o 156, ela terá uma demanda de determinada rua para tapa buraco. A Controladoria precisa ver se a visão orçamentária de contratos de tapa buraco executado para aquela rua e, também, se teve efeito na satisfação do público, explica Finamore.

“Essa é uma visão que só é possível se tivermos a informação de execução orçamentária, que é da Secretaria de Licitações e Contratos e da Ouvidoria”, conta o analista de sistemas. Ele explica que o sistema permite o cruzamento com informações de uma terceira secretaria, que seria a própria Serpo, que fiscaliza o serviço. Essa nova plataforma trará mais transparência ao setor público, atribuindo, de forma indireta, benefícios para a população como a agilidade nos serviços prestados pela prefeitura.

Calixto Jr. explica que o CAD proporcionará uma visualização simples e ágil das informações, possibilitando uma maior efetividade do controle interno “facilitando o acompanhamento e o controle da execução orçamentária e do bom uso dos recursos públicos”, explica o Controlador.

A parceira

O trabalho conjunto entre a Controladoria Geral e a Seção de Sistemas surgiu da necessidade de integração de dados entre os setores da Prefeitura. “O projeto está na fase piloto e, por enquanto, conta com seis temas: Execução Orçamentária; Recursos Humanos; Atendimentos do 156; Saúde; Educação e Dotação Orçamentária”, explica Finamore. A proposta é que todos os setores façam parte do CAD.

O chefe de Sistemas da Secretaria de Planejamento, Danilo Yamauti, explica que essa necessidade de integração de dados surgiu entre os anos de 2014 e 2015, mas foi em 2019 que o projeto começou a ser implementado. Nesse ano foi iniciada a escolha das tecnologias utilizadas e a construção do ambiente da plataforma de integração de dados onde o CAD está sendo desenvolvido e com o amadurecimento da plataforma, outros projetos além do CAD poderão ser desenvolvidos..

As secretarias que estão fazendo parte do projeto-piloto já estão usando o CAD. “Uma abertura maior para os demais setores da Prefeitura acontece em meados de janeiro”, antecipa Finamore.

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias