Tags

, ,

Milhares de prontuários de pacientes da rede municipal de saúde de Sorocaba estariam sendo armazenado de forma inadequada no arquivo da Prefeitura. A situação foi constatada em visita de membros da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Saúde.

A visita ocorreu na quarta-feira (6). O caso veio à tona durante a sessão ordinária desta terça-feira (12). A visita foi feita pelos vereadores Iara Bernardi (PT) e Hudson Pessini (MDB).

Ainda durante a sessão, o vereador Hélio Brasileiro (MDB), que é médico e presidente da Comissão de Saúde da Câmara, comentou o caso. Conforme ele, a situação é irregular e representa problemas com relação às questões médicas e pode representar também problemas com relação às questões legais. A Prefeitura de Sorocaba não se manifestou sobre o caso.

Parecer público

A Prefeitura de Sorocaba informou que os prontuários estão sendo organizados desde o início de novembro deste ano. A Secretária de Saúde disse ainda que dois funcionários da pasta foram remanejados para o setor de arquivo central para realizar a organização. Na última sexta-feira (8) foram realocados 700 caixas de prontuários.

A Prefeitura declarou ainda que os prontuários foram enviados para o arquivo central local adequado para armazenamento dos prontuários. De acordo com a Secretaria, as unidades de saúde não possuem espaço de armazenagem.

Fonte: Jornal Cruzeiro do Sul Sorocaba