Tags

Começou a ser realizada nesta quarta-feira (11/9) em Sorocaba uma iniciativa que tem por objetivo passar um pente fino na situação da educação municipal e fará uma análise completa desde os berçários até o ensino fundamental na cidade.

De iniciativa do vereador Péricles Régis (MDB), o “Raio-X da Educação”, consiste em visitas realizadas em todas as unidades da rede municipal com a finalidade de avaliar desde a proporção entre alunos e educadores, até as condições estruturais das dependências, chegando aos aspectos ambientais, como nível de luminosidade e temperatura de salas, o que pode comprometer a qualidade da aprendizagem dos alunos da rede.

O trabalho foi iniciado com as vistorias em duas creches (CEIs 121 e 27), ambas na Vila Barão. No Raio-X, o vereador e seus assessores percorrerão cada escola da rede munidos de um extenso checklist de itens a serem verificados que avaliarão desde a quantidade de funcionários da educação, limpeza e outros setores que atuam na escola, até situações envolvendo infiltrações, falta de equipamentos e dispositivos como quadras e bibliotecas, chegando até a análise ambiental das salas de aula, que serão mensuradas com o uso de um equipamento calibrado e aferido que é capaz de medir níveis de luminosidade, ruído, umidade e temperatura. “É um trabalho de formiguinha, porque é preciso ir de sala em sala e ver se existem, por exemplo, unidades que são extremamente quentes, barulhentas ou apresentam fatores que comprometem a qualidade da aprendizagem. O foco não são só os alunos, mas também os profissionais que atuam nestas condições”, explica o vereador, que conheceu este modelo de fiscalização já aplicado em escolas do Pernambuco através de Karla Falcão, integrante da Raps, rede que promove o intercâmbio entre lideranças políticas em nível nacional. “Lá ela encontrou a situação de salas que mal tinham teto. Talvez aqui não cheguemos a isso, mas certamente temos muitos problemas estruturais e de falta de educadores que impactam na qualidade do ensino oferecido às crianças”, complementa.

Péricles salienta que a ação só está sendo possível em razão da parceria com o Executivo, que está sendo oficiado sobre as visitas, franqueando a entrada da equipe e designando um representante da escola para ajudar no fornecimento de documentos e informações necessárias durante a vistoria. “Acreditamos que os educadores e pessoal administrativo entenderão que é uma ferramenta que renderá frutos que só pretendem beneficiá-los. Não queremos fazer uma caça às bruxas, pelo contrário, queremos identificar os problemas e ajudar o Poder Público a resolvê-los”, explica o parlamentar.

Péricles afirma que a cada visita, requerimentos serão feitos pelo seu gabinete e encaminhados ao Executivo para que sejam apontadas as possibilidades de resolução dos principais problemas da unidade. Os dados por cada região da cidade serão condensados em relatórios que serão apresentados periodicamente e debatidos com a Secretaria de Educação. A primeira etapa do trabalho abrangerá somente escolas da Zona Norte, da creche ao Ensino Fundamental, totalizando mais de 60 unidades somente nesta primeira fase. “A ideia é que esse levantamento dê origem a um portal na internet que possa ser atualizado num segundo momento por voluntários de cada escola ou representantes do Conselho Municipal de Educação. O que estamos fazendo aqui é dar início a um trabalho de médio e longo prazo”, conclui Péricles.

Fonte: Câmara Municipal de Sorocaba