Tags

A edição 2019 do programa Participa Sorocaba recebeu da população 570 propostas de investimentos, obras, ações e serviços que devem ser priorizados no Orçamento 2020. O total representa um aumento de 388% em comparação à edição 2018, quando a Secretaria da Cidadania e Participação Popular (Secid) recebeu 147 indicações.

Agora, uma comissão multissetorial da Prefeitura de Sorocaba fará uma análise de viabilidade técnica e econômica das propostas nos meses de maio e junho, para que em julho seja aberto um novo prazo para votação por meio da internet e das Casas do Cidadão.

A secretária da Secid, Suélei Gonçalves, explica que o Participa Sorocaba nasceu com o objetivo de incentivar a participação popular na gestão pública, com a oportunidade de decidir como a Prefeitura deve investir uma parte dos impostos arrecadados. “Sabemos que a democracia participativa é um conceito ainda recente e sua assimilação depende de um processo. Entretanto, esse aumento nos índices na segunda edição mostra que os sorocabanos estão conhecendo mais o programa e entendendo melhor a importância de opinar sobre o Orçamento da cidade”, acredita.

Visando incentivar o envio de ideias, a Secid simplificou o regulamento do Participa Sorocaba em 2019, o que possibilitou ao cidadão indicar sua proposta via internet de forma direta, sem a necessidade de ela estar vinculada ao um eixo de planejamento pré-determinado, além de não haver mais necessidade do cadastramento prévio.

Além disso, ações presenciais para apresentar o programa buscaram esclarecer dúvidas e servir como mais uma opção para o recebimento das opiniões e ideias. Servidores da Secid visitaram as Casas do Cidadão, Terminal Santo Antônio, feiras livres, a Jornada da Cidadania no bairro do Éden, lideranças comunitárias, representantes de bairros, servidores de diferentes secretarias municipais, participantes do Curso de Capacitação LiderAção, diretores das escolas da Rede Municipal de Ensino e membros dos Conselhos Municipais. A secretaria também encaminhou ofícios e material informativo sobre o programa para a Câmara Municipal, universidades, escolas, entidades de classe e órgãos representativos da sociedade civil.

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias