Tags

,

A Corregedoria Geral do Município (CGM) visitou as Unidades Pré-Hospitalares (UPHs) Zona Norte e Oeste para fazer uma análise na prestação do serviço prestado à população, assim como para verificar se as cláusulas contratuais celebradas com a Organização Social (OS), responsável pelo gerenciamento estão sendo cumpridas.

A CGM é o órgão responsável por analisar, no âmbito do Poder Executivo, assuntos relativos à correição, à proteção do patrimônio público, à prevenção e combate à corrupção e ao incremento da transparência da gestão e faz parte da Secretaria de Gabinete Central.

Desde o dia 5 de fevereiro ambas as UPHs são geridas por meio da gestão compartilhada, tendo com OS responsável o Instituto Diretrizes. De acordo com o corregedor-geral do Município, Carlos Alberto de Lima Rocco Júnior, equipes da CGM visitaram a UPH Zona Norte no dia 8 deste mês e a unidade da Zona Oeste na manhã desta segunda-feira (22).

“As correições ordinárias se tratam de instrumento que permitirá o acompanhamento dos trabalhos prestados pelo Instituto, visando a correção das inconformidades que se identificar”, explica o corregedor, que completa: “É importante também que a população formalize eventuais reclamações através do canal da ouvidoria, em fiscalização social, permitindo que eventuais irregularidades cheguem ao conhecimento dos órgãos de controle, a fim de que sejam adotadas as medidas corretivas.”

Ainda segundo o corregedor, dezenas de documentos, entre planilhas de atendimentos e procedimentos, foram solicitados à Organização Social para a realização das checagens necessárias.”Estamos acompanhando tudo desde o início, dentro do rege aquilo que justamente é a nossa função.

A Corregedoria emitirá um relatório em breve a respeito dessas correições, trabalho que é realizado constantemente, com eventuais providencias que possam ser recomendadas, caso necessário”, disse.

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias