Tags

A Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Renda (Sedeter), abriu um edital do chamamento, nesta terça-feira (27), para as inscrições do cadastramento de associações, instituições de ensino, fundações, pessoas físicas ou jurídicas interessadas em ministrar cursos gratuitamente na Universidade do Trabalhador, Empreendedor e Negócios (Uniten). O chamamento terá validade de 01/03 a 30 de novembro de 2018.

Os cursos oferecidos pela Uniten serão: Ambiente e Saúde; Controle e Processos Industriais; Desenvolvimento Educacional e Social; Gestão e Negócios; Informação, Comunicação e Infraestrutura; Produção de Alimentos; Produção Cultural e Design; Produção Industrial; Segurança; Estética e Beleza; e Informática. Os cursos de Inicialização tem carga horária de (10h até 60h), Especialização (60h até 100h), Qualificação e Requalificação Profissional (acima de 100h). Para os cursos ministrados por pessoa física, é importante ressaltar que não gerara relação trabalhista entre o respectivo monitor/instrutor e a Prefeitura de Sorocaba.

A Uniten tem como objetivo oferecer de forma gratuita os mais variados segmentos de cursos de qualificação e requalificação para dar oportunidades aos cidadãos que desejam uma colocação no mercado de trabalho. As entidades interessadas devem se cadastrar na Uniten, na Avenida Gal. Osório, 1840, na Vila Barão, das 09h às 11h e das 14h às 16h, com Rodrigo ou Angela, com a apresentação de cópia simples dos seguintes documentos:

– Para Pessoa Jurídica: Registro Comercial, Ato Constitutivo, Estatuto ou Contrato Social em Vigor, devidamente registrado (conforme o caso);

– Prova de Inscrição no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica;

– Comprovante de Inscrição no Cadastro de Contribuintes Estadual ou Municipal de sua sede;

– Para Pessoa Física: Apresentar os documentos pessoais (RG, CPF), Comprovante de Graduação, Currículo, Comprovação de Capacidade Técnica, Maioridade Civil e Comprovação de Renda Própria (Art. 6º do Decreto 22930/2017).

Critérios a serem observados:

-Termo de Adesão (Trabalho Voluntário), Lei 6406/2001 e Decreto 22930/2017;

– Comprovação de experiência mínima de um ano no mercado de ensino nos cursos mencionados;

– Apresentação de atestado de capacidade técnica, mesmo sendo pessoa física para ministração;

– Plano de Trabalho;

– Apresentação de currículo que demonstre a formação na área pretendida.

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias

Anúncios