Tags

O custo da distribuição de água para os imóveis localizados na parte alta do Parque São Bento fica menor a partir desta manhã. A economia estimada vai superar os R$ 200 mil ao ano. Para esse resultado foi feita a interligação de duas redes no Centro de Distribuição do Saae-Sorocaba do Parque São Bento isso, nesta quarta-feira (31).

O Saae-Sorocaba identificou essa possibilidade, atendendo à orientação do prefeito José Crespo, para que a autarquia atue de forma inovadora e eleve a cada vez mais a eficiência econômica.

O secretário de Recursos Hídricos e diretor geral do Saae-Sorocaba, Ronald Pereira da Silva, explica que a partir de agora a água chegará as residências por gravidade e não mais por meio de bomba, como era feito até agora. Sem a necessidade de bombeamento, acabam os custos com as manutenções da bomba e o consumo de energia elétrica. “O gastos apenas com energia elétrica para alimentar a bomba nos últimos doze meses foi de R$191 mil”, diz o secretário Ronald Pereira da Silva.

O diretor Operacional de Água do Saae-Sorocaba, Marcelo Moretto, explica que, para atender por gravidade a região alta do Parque São Bento, foi feita a interligação da rede alimentada pelo Centro de Distribuição do Horto Florestal. Como a altitude do Centro de Distribuição do Horto Florestal é superior a do Centro de Distribuição do Parque São Bento, há pressão o suficiente para a água chegar àqueles imóveis sem bombeamento. “Investimos cerca de R$ 10 mil na interligação das redes, o que vai gerar economia 20 vezes maior a cada ano”, declarou Moretto.

A interligação foi concluída na manhã desta quarta-feira, após a instalação de oito metros de tubos de 300 milímetros em ferro fundido, para ligar uma rede a outra. Para a conclusão dos trabalhos houve a necessidade de interromper a distribuição de água para a parte alta do Parque São Bento a partir das 8h. A distribuição de água foi normalizada às 11h36 da mesma manhã, após a conclusão dos trabalhos.

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias