Tags

,

Lançado em 2007, o programa Roteiro Educador levou milhares de alunos de Sorocaba para diversos pontos da cidade, onde aprenderam mais sobre a história do município. A iniciativa fazia parte do conceito de Cidade Educadora, marca da gestão do ex-prefeito Vitor Lippi (PSDB).

No entanto, o programa foi suspenso em outubro de 2015, no governo de Antonio Carlos Pannunzio (PSDB), por falta de verbas, uma vez que o município custeava o transporte dos estudantes durante os passeios. Pela cidade, ficaram espalhadas as placas que indicavam os pontos participantes do roteiro. Os marcos estão agora deteriorados, desbotados e até pichados.

Questionada sobre uma possível retomada do roteiro, a gestão José Crespo (DEM) afirma que a Prefeitura de Sorocaba, por meio da Secretaria da Educação, está fazendo estudos para consolidar no município o conceito das “Cidades de Aprendizagem”. O título é conferido pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) a alguns municípios em todo o mundo que orientam suas políticas públicas para promover a educação ao longo da vida, dentro e fora da escola. Sorocaba recebeu o título na premiação de 2015 da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

Placas no Paço

A Prefeitura afirma a intenção de oferecer aos alunos da rede municipal o conhecimento de seus principais pontos educadores, indicadores históricos, monumentos, diferentes culturas presentes no município e outros pontos, seguindo o conceito das “Cidades de Aprendizagem”. A Secretaria da Educação diz ainda que está estudando, ao lado de outras secretarias, as possibilidades para efetivação da proposta do conceito e, assim, irá analisar se as placas permanecem ou serão revistas. No Paço Municipal, há pelo menos três placas: indicando a Biblioteca Municipal, o Teatro Municipal Teotônio Vilela e a Câmara Municipal. Todas estão em mau estado de conservação, com pichações ou desbotadas.

Cidade Educadora

O conceito de Cidade Educadora, propagandeado ao longo do mandato do ex-prefeito Vitor Lippi, nomeava diversos programas, como o Roteiro Educador, e estampava materiais de divulgação da Prefeitura. O termo é referente a dezenas de municípios ao redor do mundo ligados à Associação Internacional das Cidades Educadoras (Aice) — uma organização que trabalha em prol da educação. As cidades membro da Aice assinam uma carta assumindo compromissos e objetivos educacionais.

Fonte: Jornal Cruzeiro do Sul

Anúncios