Tags

,

A pedido do Sindicato dos Rodoviários de Sorocaba e Região, da Urbes Trânsito e Transportes e das empresas Sorocaba Transportes Urbanos (STU) e Consórcio Sorocaba (Consor), o desembargador Hamilton Luiz Scarabelim, relator do processo de dissídio coletivo dos trabalhadores em transporte urbano de Sorocaba que tramita no Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região (TRT-15), suspendeu a audiência de instrução que estava agendada para a próxima segunda-feira em Sorocaba, no Fórum Trabalhista local.

A solicitação foi feita pelo fato das negociações terem sido reabertas, com a greve inclusive suspensa até quarta-feira.

As partes envolvidas no processo enviaram o pedido de suspensão da audiência após as negociações da campanha salarial da categoria terem sido retomadas na quinta-feira, a partir da reunião do prefeito José Crespo (DEM) com a direção sindical e representantes da Urbes, ficando acordado que terça-feira (18) a Prefeitura apresentará uma proposta de reajuste salarial com base no porcentual concedido no transporte urbano de Votorantim.

No município vizinho o reajuste foi de 4% retroativo a maio e mais 1,57% a partir de setembro, aumento de R$ 1 no tíquete-refeição a partir de novembro, que passaria para R$ 21 por dia, e de R$ 100 na participação nos lucros e resultados, que ficaria em R$ 1.600.

Na quarta-feira o sindicato fará, em sua sede, assembleias às 10h e 18h para definir os encaminhamentos da mobilização.

Fonte: Jornal Cruzeiro do Sul

Anúncios