Tags

Após atender, em evento concorrido realizado no gabinete do Prefeito de Sorocaba no Palácio do Tropeiro, mais de vinte prefeitos da região de Sorocaba e de algumas outras cidades do meio-oeste paulista, o vice-governador do Estado de São Paulo, Márcio França, recebeu, na tarde desta segunda-feira (03), três demandas especiais de organismos instalados na cidade.

Do cadeirante Maurício Claro de Almeida, presidente da entidade Movimento Livre Independente, associação que reúne pessoas com deficiência em Sorocaba, Márcio França recebeu a reivindicação de ativação do funcionamento da rede Lucy Montoro na cidade. A unidade de reabilitação Lucy Montoro, conforme Maurício Claro, seria extremamente importante para o tratamento e reabilitação de deficientes da região.

A unidade sorocabana da rede Lucy Montoro teve o início da construção em 2014 e só não está funcionando porque faltaria a instalação de equipamentos no local, além da cessão para uma Organização Social para gerenciar o serviço.

Já a Associação de Moradores e Proprietários dos Bairros Jardim Piazza di Roma I e II, Jardim Tulipas, Jardim Arco Íris, Jardim Verde Vale, Central Parque, Jardim Colonial e Adjacências, Manoel Borges, solicitou a implementação da 1º Companhia da Polícia Militar no Bairro Arco Íris, em área onde está hoje o ‘Clube do Vovô’, localizado nas ruas Nicolau Elias Tibechenery e Mário Soave.

O professor Roberto Lourenço da Unesp, representando o diretor Alexandre da Silva Simões, entregou requisição a Márcio França, solicitando aporte estadual no valor de R$120 milhões para a implementação do campus da universidade em área integrada ao Parque Tecnológico de Sorocaba. A nova estrutura irá, se implementada, possibilitar ganhos na produção tecnológica de Sorocaba, além de ampliar o processo de ocupação plena do PTS por entidades e organizações científicas.

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias

Anúncios