Tags

A Urbes – Trânsito e Transportes realiza nesta semana mais ações educativas do Programa de Trânsito “Faixa Viva” para estimular o respeito à travessia de pedestres.  Nesta quarta-feira (14), das 14h às 15h30, a equipe de Educação para o Trânsito realizará uma blitz na avenida Engenheiro Carlos Reinaldo Mendes, na altura do número 3.119, na pista sentido bairro-centro.

O objetivo do programa municipal é educar as pessoas para que adotem novas posturas no trânsito e o pedestre seja priorizado em sua travessia, garantindo a sua segurança e evitando atropelamento nas vias da cidade.

A programação continua na sexta-feira (16), durante o feriado de Corpus Christi. Das 15h às 17h, os mímicos vão atuar na faixa de pedestre da rua Padre Luís, próximo à Catedral Metropolitana de Sorocaba. Já das 17h às 19h, eles vão interagir com a população na faixa de pedestre da rua São Bento com a rua 15 de Novembro.

De forma lúdica, os arte-educadores vão conscientizar as pessoas sobre a importância de se utilizar a faixa de segurança para a travessia. Sem pronunciar uma só palavra, os mímicos direcionam pedestres para a faixa, ensiná-los a fazer o sinal com a mão e agradecer os motoristas que esperarem os pedestres atravessarem. Um material informativo também será entregue às pessoas.

No sábado (17), das 9h às 10h, o grupo vai conscientizar pedestres e motoristas que passarem pela rua Padre Luís, na altura do número 345. Na sequência, das 10h às 12h, eles se deslocarão para a faixa de pedestre da rua da Penha com a rua Coronel Benedito Pires.

Fiscalização a partir de agosto

A Urbes – Trânsito e Transportes intensificará a fiscalização em faixas de pedestre de Sorocaba a partir de agosto deste ano. A data estava marcada para o dia 1º de julho, mas foi adiada para que mais ações educativas do Programa de Trânsito “Faixa Viva” sejam realizadas na cidade.

Os agentes irão fiscalizar o respeito a faixa e principalmente se os motoristas e motociclistas dão a preferência a quem faz ou pretende fazer a travessia. Segundo o artigo 214 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), deixar de dar preferência de passagem a pedestre e a veículo não motorizado é infração gravíssima, com multa de R$ 293,47 e sete pontos na Carteira Nacional de Habilitação (CNH). Já parar sobre faixa destinada a pedestres, a infração é leve, com multa de R$ 88,38 e 3 pontos na CNH.

A ação de fiscalização será realizada diariamente dentro da rotina de trabalho dos “amarelinhos”. De acordo com o Setor de Estatística da Urbes, em 2017, de janeiro a março, foram registrados 56 atropelamentos em Sorocaba, com 63 vítimas, sendo 4 fatais.

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias

Anúncios