Tags

O presidente da Câmara de Sorocaba, vereador Rodrigo Manga (DEM), esteve nesta quinta-feira (25) reunido com cerca de 100 moradores do Jardim Baronesa, para prestar esclarecimentos quanto à regularização fundiária de uma área do bairro onde moram cerca de 150 pessoas.

O processo está em andamento por parte da Prefeitura, que pretende no local construir uma área de lazer.

“A preocupação do pessoal é ser despejado de casa e não ter para onde ir. Mas a Prefeitura está se comprometendo a fazer um levantamento do número exato de famílias afetadas pela medida, incluí-las no processo de regularização fundiária e atendê-las por meio de programas habitacionais”, explica Manga.

Durante a vista, o vereador esteve acompanhado pelo assessor especial na Secretaria da Habitação e Regularização Fundiária, Vidal Mota, o qual revelou que a intenção da Administração Municipal é que as famílias sejam abrigadas em programas habitacionais da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU) do estado de São Paulo.

A área em questão fica perto do Aeroporto Bertrand Leupolz, entre a Avenida Mário Covas e a Rua Isaltino Guanabara, e será completamente urbanizada pela Prefeitura. A regularização afetará especificamente os moradores da Rua 51, cujas moradias estão localizadas em imóvel particular ocupado irregularmente.

O projeto do novo parque já está pronto e foi elaborado pela Secretaria de Planejamento e Projetos (Seplan) da Prefeitura. “Estou atento à situação dos moradores e o objetivo é agilizar qualquer procedimento de forma que essas famílias não fiquem desassistidas”, conclui o vereador.

Fonte: Câmara Municipal de Sorocaba

 

Anúncios