Tags

Rosângela Alves, fundadora do Centro Cultural Quilombinho, continua sendo lembrada. Falecida precocemente aos 53 anos em 12 de março deste ano, Rosângela recebeu, desta vez, por meio de requerimento do vereador Hudson Pessini, uma bela homenagem.

Como parte das atividades do dia da África, comemorado nesta quinta-feira (25) alguns vereadores destacaram a importância de Rosângela para a cultura e organização do movimento negro sorocabano e brasileiro.

Em 2016 Rosângela chegou a se viajar para o continente africano e realizar ações humanitárias, fato que lhe rendeu, recentemente, uma condecoração oficial por parte do Consulado do Togo em São Paulo.

No hall da Câmara há uma exposição com fotos da ativista, selecionadas pelo Coordenador de Igualdade Racial da Prefeitura de Sorocaba, Maurício Barisson, que foi amigo de Rosângela e atuou em conjunto em atividades culturais e recreativas de Sorocaba.

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias

Anúncios