Tags

, ,

Continuando a nossa ação de cidadania e transparência das informações públicas acessíveis, resolvemos conferir que a estrutura administrativa de cada secretaria municipal em nossa cidade, aos amigos do Observatório Social do Brasil – Sorocaba.

A Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (SEMOB) comandada por Wilson Unterkircher Filho, que fica na Rua Pedro de Oliveira Neto, 98 – Jardim Panorama (E-mail: wuf@sorocaba.sp.gov.br ou Fone: (15) 3331-50028).

Apesar de não termos disponível a informação do Orçamento Municipal da Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (SEMOB) realiza a formulação de políticas de acessibilidade física, planejamento, coordenação, execução e fiscalização das atividades referentes ao transporte urbano em geral e à regulamentação do trânsito; atividades de engenharia de tráfego, controle e análise de estatísticas; atividades da Junta Administrativa de Recursos de Infração – JARI; gerenciamento do Fundo Municipal de Trânsito – FUMTRAN e atuação coordenada com a Empresa de Desenvolvimento Urbano e Social de Sorocaba – URBES.

A Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (SEMOB) que é composto por 26 pessoas, onde o gasto mensal com Pessoal em Abril de 2017 foi de R$ 217.399,28. Sendo:

  • R$ 201.184,91 de Pagamento Mensal;
  • R$ 0,00 de Adiantamento Salarial;
  • R$ 16.214,37 de Férias;
  • R$ 0,00 de Rescisão.

No total de pagamento de pessoal nestes quatros meses, foi o valor de R$ 907.140,97:

  • Janeiro contava com 26 Servidores e total de pagamento de pessoal de R$ 186.323,22 (20,54%);
  • Fevereiro contava com 28 Servidores e total de pagamento de pessoal de R$ 271.434,87 (29,92%);
  • Março contava com 27 Servidores e total de pagamento de pessoal de R$ 248.197,97 (27,36%);
  • Abril contava com 25 Servidores e total de pagamento de pessoal de R$ 201.184,91 (22,18%);
Servidores da Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (SEMOB) em 2017

Servidores da Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (SEMOB) em 2017

Pagamento Mensal dos Servidores da Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (SEMOB) em 2017

Pagamento Mensal dos Servidores da Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (SEMOB) em 2017

Houve Adiantamento Salarial aos Servidores da Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (SEMOB) nestes quatro meses no valor de R$ 4.567,56.

  • Em Janeiro foi o valor de R$ 383,41 (8,39%);
  • Em Fevereiro foi o valor de R$ 1.483,33 (32,48%);
  • Em Março foi o valor de R$ 2.700,82 (59,13%);
  • Em Abril foi o valor de R$ 0,00  (0,00%).
Adiantamento Salarial dos Servidores da Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (SEMOB) em 2017

Adiantamento Salarial dos Servidores da Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (SEMOB) em 2017

Houve Férias aos Servidores da Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (SEMOB) nestes quatro meses no valor de R$ 83.571,16.

  • Em Janeiro foi o valor de R$ 3.687,60 (4,41%);
  • Em Fevereiro foi o valor de R$ 34.731,83 (41,56%);
  • Em Março foi o valor de R$ 28.937,36 (34,63%);
  • Em Abril foi o valor de R$ 16.214,37 (19,40%).
Férias dos Servidores da Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (SEMOB) em 2017

Férias dos Servidores da Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (SEMOB) em 2017

Não houve Rescisões aos Servidores da Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (SEMOB) nestes quatro meses.

Houve uma diminuição de 1 Servidor nestes quatro meses (0,94%) no quadro funcional dos Servidores da Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (SEMOB) em Sorocaba.

Não Houve alteração de Servidores no quadro funcional dos Servidores da Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (SEMOB) em Sorocaba com Doença do Trabalho.

Servidores da Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (SEMOB) com Doença do Trabalho em 2017

Servidores da Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (SEMOB) com Doença do Trabalho em 2017

Abaixo listamos o Corpo Funcional da Secretaria da Mobilidade e Acessibilidade (SEMOB) de Sorocaba, os dados foram extraído do Portal da Transparência e seus valores correspondem a Tabela Salarial Municipal (referente ao mês de Abril/2017):

– 11 Servidores em Desvio de Função na Seplan;
– 01 Servidor em Desvio de Função na Sehab;
– 01 Servidor como Ajudante de Serviços;
– 01 Servidor como Assessor Especial;
– 01 Servidor como Assistente de Secretaria Expediente II;
– 02 Servidores como Assistente de Administração II;
– 01 Servidor como Assistente de Almoxarife;
– 01 Servidor como Chefe de Divisão;
– 03 Servidores como Chefe de Seção;
– 01 Servidor como Desenhista;
– 02 Servidores como Diretor de Área;
– 09 Servidores como Engenheiro Civil;
– 01 Servidor como Motorista;
– 01 Servidor como Técnico de Controle Administrativo;
– 01 Servidor como Técnico de Tráfego;

– 01 Servidor que recebe de R$ 1.000,01 até 2.000,00;
– 02 Servidores que recebem de R$ 2.500,00 até 3.000,00;
– 03 Servidores que recebem de R$ 4.000,01 até 5.000,00;
– 03 Servidores que recebem de R$ 5.000,01 até 6.000,00;
– 04 Servidores que recebem de R$ 6.000,01 até 7.000,00;
– 03 Servidores que recebem de R$ 7.000,01 até 7.500,00;
– 02 Servidores que recebem de R$ 8.000,01 até 9.000,00;
– 01 Servidor que recebe de R$ 10.500,00 até 11.000,00;
– 01 Servidor que recebe de R$ 11.500,01 até 12.000,00;
– 01 Servidor que recebe de R$ 15.500,00 até 16.000,00;
– 02 Servidores que recebem de R$ 16.000,01 até 17.000,00;
– 01 Servidor que recebe de R$ 17.000,01 até 17.500,00;

– 01 Servidor que trabalha há 2 meses;
– 01 Servidor que trabalha há 2 anos;
– 02 Servidores que trabalham há 3 anos;
– 01 Servidor que trabalha há 5 anos;
– 01 Servidor que trabalha há 6 anos;
– 02 Servidores que trabalham há 7 anos;
– 02 Servidores que trabalham há 8 anos;
– 03 Servidores que trabalham há 19 anos;
– 01 Servidor que trabalha há 24 anos;
– 01 Servidor que trabalha há 25 anos;
– 01 Servidor que trabalha há 27 anos;
– 01 Servidor que trabalha há 28 anos;
– 01 Servidor que trabalha há 29 anos;
– 03 Servidores que trabalham há 30 anos;
– 02 Servidores que trabalham há 31 anos;
– 01 Servidor que trabalha há 36 anos;
– 01 Servidor que trabalha há 39 anos;

Obs.: A nossa intenção é tentar demostrar como funciona o nosso executivo, não temos nenhuma opinião se é certo ou errado os valores recebidos pelos servidores, mas temos a certeza que estes valores são legais. O que falta é mostrar a comunidade como são compostos os mesmos e necessários para melhorar a prestação dos serviços públicos.

Anúncios