Tags

O processo de desinstitucionalização da Saúde Mental em Sorocaba continua promovendo as transferências de moradores do Hospital Vera Cruz para suas cidades de origem onde passam a viver em Residências Terapêuticas.

Na última semana, sete pacientes deixaram o hospital, sendo cinco deles para o município de Capão Bonito, um para Sorocaba e um foi para Araçatuba.

A desinstitucionalização da Saúde Mental é um compromisso público firmado por meio de um Termo de Ajuste de Conduta (TAC) assinado entre municípios da região de Sorocaba, o Ministério Público, Secretarias Municipais e Estadual da Saúde e Ministério da Saúde. A atual coordenação da Saúde Mental da Prefeitura de Sorocaba tem atuado diretamente no processo ajudando a localizar a origem dos pacientes, fazendo contato com familiares e os municípios identificados.

A equipe da coordenação também auxilia os gestores das cidades contatadas para que possam tomar as providências necessárias, como abertura de residências terapêuticas de centros de atendimento psicossocial (Caps) para providenciar a alta e a transferência dos pacientes.

“Nosso trabalho é garantir o encaminhamento adequado desses pacientes de acordo com as necessidades de cada um, com dignidade e sem prejuízo à assistência, ao tratamento e, principalmente, ao bem- estar dessas pessoas”, explicou a coordenadora de Sorocaba, Fernanda Biudes Consul.

No início do ano, o Hospital Vera Cruz, também chamado de Polo de Desinstitucionalização Vera Cruz, tinha 301 pacientes e nesta semana, com as transferências realizadas conta com 245 moradores. No final da semana passada deixaram o hospital um homem para Sorocaba e uma mulher para Araçatuba.

Os pacientes que tiveram alta e foram levados para Capão Bonito na última segunda-feira (08) foram quatro mulheres e um homem e passaram a morar em uma Residência Terapêutica mista. A alta e o transporte contou com o suporte de equipe técnica de Capão Bonito, com duas técnicas de enfermagem, uma enfermeira e a coordenadora de saúde mental e assistente social, Rosângela Aparecida Ferreira.

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias

Anúncios