Tags

Há quatro dias sob administração da Prefeitura de Sorocaba, a Santa Casa já apresenta melhorias nos fluxos de atendimentos, ativação de leitos para acomodação de pacientes, agilização nos processos administrativos e realização de compras de materiais de saúde, alimentos e para manutenção de equipamentos.

Nesta sexta-feira (28), o secretário municipal da Saúde, Rodrigo Moreno, nomeado gestor geral do hospital no início da semana, percorreu novamente os setores de atendimento da unidade para acompanhar o trabalho que vem sendo desenvolvido.

Na noite de quinta-feira (27), Moreno apresentou ao Conselho Municipal da Saúde (CMS), em reunião ordinária realizada no auditório do Paço Municipal, as informações atualizadas sobre a requisição da Santa Casa e listou ações em andamento por parte da comissão especial de gestão que foi montada para administrar o hospital. Entre essas mudanças está a ativação imediata de dez leitos de enfermaria de clínica médica (para adultos) no primeiro andar do hospital. Esses leitos receberam pacientes que, apesar de estabilizados, eram mantidos nos corredores do Pronto Socorro sem condições adequadas.

Um desses pacientes que saíram do setor de emergência e foram transferidos para quartos foi um homem com 322 quilos que estava há 22 dias sendo mantido no Pronto Socorro. A transferência para o quarto ocorreu na manhã desta sexta-feira (28) e precisou de apoio do Corpo de Bombeiros para o deslocamento em segurança. A esposa do paciente, Elaine Fátima de Oliveira, de 43 anos, comentou estar satisfeita com a mudança e com o atendimento ao marido que foi acometido por uma infecção e está recebendo assistência especial devido à obesidade.

“A comissão gestora tem trabalhado intensamente e também temos contato com o apoio dos funcionários da Santa Casa, por isso, os primeiros avanços já começam a ser sentidos em poucos dias”, destacou o secretário Rodrigo Moreno. Segundo ele, o principal foco da gestão municipal na Santa Casa é o bem-estar das pessoas, incluindo pacientes, acompanhantes e também todos envolvidos nos atendimentos e nos serviços de apoio. Para os funcionários, Moreno autorizou a reabertura do prazo para adesão ao novo plano de saúde, um pedido que foi encaminhado no início da semana. De terça (02) a sexta-feira (05), representante do plano de saúde Mediplan estará orientando os interessados no preenchimento das fichas, bem como tirando dúvidas dos funcionários que ainda não manifestaram interesse neste serviço.

Itens básicos e alimentos
Na área administrativa, o levantamento de informações financeiras, patrimoniais e contábeis continua, mas já gerou algumas operações de compras de itens identificados como prioritários e essenciais para abastecimento de estoque e o funcionamento do hospital. Essas compras foram realizadas com recursos próprios da Prefeitura e somam R$ 324,5 mil.

Foram comprados gêneros alimentícios e dietas para os pacientes, incluindo itens perecíveis, não perecíveis e de prescrição médica, medicamentos diversos e quimioterápicos para o setor de oncologia. Materiais hospitalares, como luvas, seringas, agulhas e curativos, e materiais de limpeza, como hipoclorito e sacos de lixo, também foram elencados como itens para compra emergencial para os atendimentos e para limpeza e desinfecção do hospital. Outros itens comprados foram materiais e peças para manutenção e reposição em equipamentos. As entregas ocorrerão na próxima semana.

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias

Anúncios