Tags

A alimentação servida aos 55 mil estudantes das escolas municipais de Sorocaba está mais saudável em relação aos anos anteriores.

A salsicha e outros embutidos, com alto teor de gordura e sódio, foram trocados por carne em cubo, pão com patê de atum e croquete assado de atum, por exemplo.

A refeição nas escolas em tempo integral está mais completa e variada também. No café da manhã, por exemplo, são ofertados leite, pães e frutas, e, diariamente, após o almoço, as crianças recebem frutas que variam a cada dia. Atualmente, a agricultura familiar fornece gêneros para todos os segmentos escolares, ampliando a oferta de frutas e hortaliças na rede.

O aprimoramento do cardápio é resultado do trabalho de nutricionistas que integram a Secretaria de Abastecimento e Nutrição da Prefeitura de Sorocaba, pasta criada pelo prefeito José Crespo. Algumas das providências que tornaram a alimentação melhor foram a troca de parte dos produtos industrializados por naturais, além da aquisição de alimentos frescos, diretamente do produtor rural.

“O foco é a alimentação saudável. Nos anos anteriores, os itens servidos eram escolhidos pelas empresas contratadas e agora são pelas nutricionistas da Prefeitura. O novo cardápio segue todas as normas pertinentes, principalmente as de segurança alimentar”, enfatiza o secretário de Abastecimento e Nutrição, Alexandre Hugo de Morais.

Nos centros de educação infantil, que têm período integral, o leite com achocolatado, que antes era servido todos os dias no lanche da tarde (colação), passou a ser substituído, de duas a três vezes por semana, por leite puro, acompanhado de uma fruta ou ainda de leite batido com fruta.

“O objetivo é reduzir a oferta de açúcares simples e aumentar a quantidade de vitaminas, minerais e fibras na alimentação”, explica uma das profissionais da seção de Alimentação Escolar da Secretaria de Abastecimento e Nutrição, a nutricionista Mariana Battaglin Villas Boas.

Mariana Villas Boas cita que a papa salgada também ganhou novo preparo. Agora ela é composta por três diferentes variedades e hortifrútis ao dia, além de possuir em sua composição alguma fonte proteica, como carne, ovo ou leguminosa.

Fiscalizações controlam qualidade

A alimentação é preparada e servida por duas empresas contratadas pela Prefeitura. A fim de garantir que a alimentação escolar siga a risca o cardápio definido pelas nutricionistas, elas mesmas fiscalizam em constantes visitas nas escolas, ocasião em que também observam a aceitação dos alimentos pelos estudantes e avaliam a qualidade do serviço prestado.

As profissionais sempre levam em consideração a composição e a variação dos cardápios de acordo como as recomendações do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE).

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias

Anúncios