Tags

A Prefeitura de Sorocaba, por meio de sua Secretaria de Cultura e Turismo, promoverá uma atividade especial com a fotógrafa Camila Fontenele de Miranda, conhecida internacionalmente por seus trabalhos no campo das artes visuais.

Camila fará uma oficina de fotografia especial para as mulheres no dia 18 de março, às 11h, no Museu Histórico Sorocabano como parte da contrapartida por ter vencido o Prêmio Flávio Gagliardi Artes Visuais, edição 2016, pela obra ‘Me escreva, pai’.

O público alvo da oficina intitulada Conhecendo Composição Fotográfica e Mulheres Artistas é de mulheres entre 15 a 18 anos, a quem a artista deseja transmitir e compartilhar conhecimentos sobre composição fotográfica e referências de mulheres artistas no campo da fotografia. Em comum, entre as artistas que serão citadas por Camila, a arte além do convencional. São apenas vinte vagas e o evento é gratuito.

Com um olhar apurado sobre a participação das mulheres no processo de desenvolvimento artístico contemporâneo e dona de uma sensibilidade aguçada, Camila é hoje uma das novas referências das artes visuais brasileiras.

Como se inscrever

Quem desejar se inscrever deve ter entre 15 e 18 anos, efetuar a pré-inscrição pelo emailmhs@sorocaba.sp.gov.br, ou pessoalmente no Museu Histórico Sorocabano, lembrando que são poucas vagas e que podem se esgotar rapidamente.

Cada participante deve levar um caderno para anotações, caneta, celular ou câmera fotográfica. O Museu Histórico Sorocabano fica localizado no Parque Zoológico Municipal “Quinzinho de Barros”, na Vila Hortência.

Sobre a artista:

Natural de São Paulo-SP, Camila Fontenele de Miranda é publicitária formada na Universidade de Sorocaba e pós-graduada em Cinema, TV e Vídeo, no Centro Universitário Belas Artes de São Paulo. Interessou-se em fotografia através de um workshop na Oficina Cultural Grande Otelo, em 2007. Atuou profissionalmente como fotógrafa e como publicitária.

Hoje, com apenas 26 anos de idade, Camila já percorreu quatro estados do Brasil (SP, RJ, MG e ES) com seu grande projeto fotográfico (entre exposições e intervenções) ‘Todos Podem Ser Frida’ e internacionalmente em Caserta (Itália), Londres (Inglaterra) e Léon (México).

Possui publicações em grandes meios de comunicação nacionais e internacionais como: G1, Estadão, Folha de SP, TV Brasil, TV Cultura, Exibart, Positano News, TPI, El País, Wish Magazine, Quartz, Fubiz, Bored Panda, Huffpost Art & Culture, entre outros.

Em maio de 2013, Camila Fontenele recebeu da ABART o Mérito Artístico Cultural no grau de artista fotográfica pela produção do ‘Todos Podem Ser Frida’. Em agosto de 2016 ganhou, na categoria fotografia, o Prêmio Flávio Gagliardi Artes visuais pela obra ‘Me escreva, pai’, promovido pela Secretaria de Cultura da Prefeitura de Sorocaba/SP.

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias

Anúncios