Tags

No mundo inteiro, especialistas debatem a importância dos cardápios balanceados e das dietas com baixo teor calórico, mas em poucos casos o discurso vira prática e comer bem se torna um hábito.

Para mudar essa história, a Unidade Básica de Saúde (UBS) do Jardim Nova Sorocaba teve uma iniciativa simples e poderosa que tem transformado a vida de muita gente.

Na própria UBS, diversas ervas e vários temperos são cultivados em uma horta aberta à comunidade. “A ideia é oferecer esse espaço às pessoas de forma que elas também se sintam responsáveis pela sua manutenção”, explica Fábio Michel Santiago, coordenador da unidade e idealizador do projeto.

A diretora de uma escola estadual da região se interessou pela ideia, procurou a unidade e surgiu daí a possibilidade de oferecer oficinas de plantio aos alunos, uma forma de complementar na prática as lições sobre fotossíntese, cultura agrícola, geografia e, principalmente, a importância de uma alimentação saudável, rica em verduras e legumes, para evitar uma série de doenças.

Cerca de 60 estudantes, divididos em pequenas turmas, aprendem desde o plantio, os cuidados com a terra e a irrigação até a colheita. “Esse contato é muito importante para eles, é uma lição diferente, enriquecedora, difícil de esquecer”, diz a professora Lucimara Villas Boas, enquanto acompanha uma das turmas no plantio.

Enfermeiro de formação, Fábio explica a importância que a horta comunitária vem ganhando na rotina da UBS Nova Sorocaba. “No Grupo de Hipertensão e Diabetes que mantemos aqui para orientação aos pacientes, ao final de cada reunião nós oferecemos um buquê com as nossas ervas a cada participante, como uma forma de convidá-los a trocar o sal de sua alimentação diária pelo sabor dos temperos naturais. Assim a gente aprende a cuidar da saúde na prática”, diz.

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias

Anúncios