Tags

Uma data para lembrar ainda mais daqueles que já se foram. Ao mesmo tempo, são necessários cuidados especiais por parte de quem permanece. Isso porque, no feriado de Finados, celebrado em 2016 nesta quarta-feira (2), é comum as pessoas reverenciarem seus entes queridos com vasos de flores. Se não for feita de forma adequada, a homenagem pode ser um prato cheio à proliferação do mosquito Aedes aegypti – transmissor da dengue, zika e chikungunya.

O chefe da Divisão de Manutenção e Abastecimento da Secretaria de Serviços Públicos (Serp), Rafael Ricardo, cita duas possibilidades mais indicadas para prestar homenagens nos cemitérios da cidade. Uma delas é colocar terra nos vasinhos, de preferência os que possuem furos na parte inferior. A outra é comprar flores artificiais, sem se esquecer de tirar o plástico que as envolve, evitando assim o acúmulo de água.

Ricardo afirma que no Cemitério da Saudade, por exemplo, cerca de 45 contêineres devem estar à disposição da população para o feriado. Acrescenta que, uma semana depois de Finados, funcionários dos cemitérios passam recolhendo todo material que possa servir de criadouro do Aedes aegypti.

Segundo o profissional da Serp, embora a preocupação se intensifique durante o feriado – para este ano a previsão é de que 70 mil pessoas passem pelos quatro cemitérios municipais -, as ações e vistorias para combater o mosquito são frequentes nos locais. “Até porque alguns funcionários dos cemitérios pegaram dengue no ano passado e não querem que isso aconteça de novo”, conta, acrescentando que, algumas vezes ao ano, os espaços também passam pelo serviço de nebulização.

Mudança de hábito e celebrações

Ricardo lembra que, de alguns anos para cá, as homenagens tem diminuído nos cemitérios municipais pela crise econômica e, principalmente, por uma mudança cultural das pessoas. “A gente tem um velário aqui no Cemitério da Saudade. Uma empresa de São Paulo costumava recolher os resíduos de vela para fabricar novas. Antes, eram recolhidos cerca de 60 quilos por ano. Agora, no máximo uns 15 quilos”, exemplifica.

De acordo com Ricardo, os quatro cemitérios municipais vão receber celebrações religiosas no feriado. A Serp recebeu solicitações das instituições religiosas até a última sexta-feira (21).

A Paróquia São Bento realizará cerimônias em todos os cemitérios, às 10h30 e às 15h30. Nos cemitérios da Consolação e da Saudade, os fiéis poderão acompanhar as homenagens também às 8h30. Já no Santo Antônio, às 9h30.

No Cemitério da Saudade, às 11h30 ainda acontece um ritual do Tempo Espiritual de Umbanda Baiano José Trindade e Cabocla Jurema. Todas as celebrações religiosas devem durar, no máximo, 60 minutos.

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias

Anúncios