Tags

A Comissão de Dependência Química da Câmara de Sorocaba identificou 600 moradores de rua em 19 pontos da cidade. O presidente da Comissão, vereador Rodrigo Manga (PP), conta que este número vem aumentado a cada dia.

“Segundo levantamento da Secretaria de Desenvolvimento Social feito em julho de 2015, haviam na cidade 350 moradores de rua, este número aumentou mais de 80% em seis meses e não para de aumentar a cada dia.”

As ruas e praças da cidade estão tomadas por moradores de rua, principalmente na região central, onde identificamos 11 dos 19 pontos. O vereador explica que a maioria dos moradores de rua têm problemas com o vício em drogas e álcool. “Precisamos de políticas públicas melhores para atender essas pessoas, dar o devido tratamento e recolocá-las na sociedade.”

Manga conta que está lutando para que os CAPSs (Centro de Atenção Psicossocial) façam a busca ativa. “Não basta ficar esperando na unidade que as pessoas procurem por ajuda, é necessário ir até elas, oferecer os meios para que elas possam mudar de vida”, concluiu o vereador.

INSEGURANÇA – O aumento de moradores de rua perambulando pela cidade também assusta a população que não sente-se mais segura para ir às praças da cidade e andar pelas ruas até mesmo de carro, já que esses moradores de rua ficam nos semáforos pedindo dinheiro e ainda intimidam os motoristas. “Tudo isso mostra que vivemos um problema social, de segurança pública e de saúde pública”, constata o vereador.

Fonte: Câmara Municipal de Sorocaba

Anúncios