Tags

O Comitê Municipal pela Primeira Infância quer que as crianças sejam os protagonistas na elaboração do  Plano Municipal pela Primeira Infância – PMPI. E para isso, está convocando a garotada de até seis anos de a participar do encontro que acontece neste sábado, dia 12, na Biblioteca Infantil “Renato Sêneca de Sá Fleury”.

Das 9h às 13h, elas serão ouvidas em suas necessidades e  expectativas quanto às políticas de atendimento à infância. O objetivo é dar voz e vez às crianças, garantindo-lhes um direito estabelecido no Estatuto da Criança e do Adolescente e na Convenção sobre os Direitos da Criança, da ONU.

O PMPI é o documento que vai orientar a ação do governo municipal e da sociedade civil na defesa, promoção e realização dos direitos das crianças de zero a seis anos de idade para os próximos dez anos. Um Plano que precisa, efetivamente, contribuir para ampliar as oportunidades oferecidas às nossas crianças.

Durante o encontro, haverá desenho, roda de conversa, música, dança e contação de história, para que, por meio da participação em atividades diferentes, seja possível apreender as expectativas das crianças nas suas falas, gestos, olhares e expressões corporais. “É preciso saber ouvi-las e compreender as mensagens que nos transmitem para que sejam respeitadas como cidadãs participantes”, falou Maria Inês Moron Pannunzio, Presidente do Fundo Social de Solidariedade e integrante do Comitê.

Para os integrantes do Comitê este será um importante momento da construção do PMPI. Daí a colaboração de pais e  professores no convite de participação dos pequenos no evento.

Trajetória do Comitê

Em maio de 2014, Sorocaba tornou-se membro da Rede Nacional da Primeira Infância. Em julho, foi realizada a 1ª Oficina sobre o Plano Municipal pela Primeira Infância, com a consultoria do Instituto da Infância (IFAN), que orientou sobre os primeiros passos para a elaboração de um Plano Municipal.

Desde então, o Comitê passou a se reunir quinzenalmente discutindo ações e estratégias para elaboração do Plano. Um dos principais desafios foi o levantamento dos dados e a aferição do diagnóstico de Sorocaba referente à primeira infância. Os dados foram cruzados com os equipamentos e serviços oferecidos pelo município e indicaram as maiores carências e ocorrências no que se refere às crianças de 0 a 6 anos de idade. Com o diagnóstico em mãos, foi possível traçar metas e sugerir ações e políticas públicas para o PMPI.

Em março deste ano aconteceu a 2ª Oficina do PMPI, com a apresentação dos dados e do diagnóstico. Grupos de Trabalho foram formados e sugeriram ações para o Plano.

O Comitê realizou uma sensibilização sobre a importância da “escuta” como instrumento de trabalho com crianças. Um dos objetivos do encontro foi capacitar os profissionais para ouvir as propostas das crianças para o PMPI, já que o Plano é direcionado a elas.

A versão preliminar do Plano Municipal pela Primeira Infância foi apresentada no dia 1º de abril, durante a realização da 3ª Oficina da Primeira Infância, no campus da Universidade de Sorocaba (UNISO). O encontro contou com a presença de aproximadamente oitenta pessoas, em sua maioria profissionais que atuam com o público infantil, especialmente nas áreas de educação, saúde e assistência social. Na ocasião, os presentes também puderam sugerir propostas e ações para integrar o texto do Plano.

A 4ª Oficina da Primeira Infância aconteceu no dia 17 de outubro, na Universidade do Trabalhador Empreendedor e Negócios – Uniten. Posteriormente, de novembro até agora,  o Comitê se reúne semanalmente para avaliar as novas sugestões apresentadas e reescrever, quando necessário, os textos que compõe o documento.

O Comitê foi oficializado por meio do Decreto nº 21.794-15 de 22 de abril de 2015 e é formado por representantes das secretarias municipais, do Fundo Social de Solidariedade, de órgãos do Poder Público e de instituições da sociedade civil. Todas as ações do Comitê, bem como os próximos passos de elaboração do PMPI estão sendo divulgados também na página do facebook: Comitê Primeira Infância Sorocaba. A versão preliminar do documento encontra-se no site www.sorocaba.sp.gov.br/primeirainfancia para consulta.

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias

Anúncios