Tags

Numa cerimônia oficial, marcada pela presença de representantes de todos os poderes civis e militares da cidade, a Guarda Civil Municipal (GCM) celebrou na tarde desta quinta-feira (4), no Teatro Municipal ‘Teotônio Vilela”, seus 27 anos de criação.

Entre aqueles que prestigiaram a solenidade e compuseram a mesa de honra estava o ex-prefeito e responsável pela instituição da Guarda Municipal, Paulo Mendes.

O evento serviu, também, para homenagear os servidores que completaram 25 anos de profissão. Foram 23 homens, que integraram a terceira celebração de jubilandos da GCM, e seis mulheres, que constituíram a primeira turma feminina da guarda.

Além dos agradecimentos que fez aos guardas municipais pelo reconhecido trabalho de cuidar da cidade e da população, o prefeito Antonio Carlos Pannunzio surpreendeu a corporação anunciando a compra de 23 novas viaturas, armas, equipamentos de segurança, a reforma das bases descentralizadas e a abertura, para o próximo ano, de concurso público de acesso. “Sorocaba cresceu e a Guarda Municipal tem se esforçado para colaborar com a segurança dos espaços públicos, cuidando das coisas da nossa gente. E isso é, reconhecidamente, valorizado pela população que vê nos agentes, homens e mulheres, que estão nas ruas, um importante elemento de sua segurança”, disse, rememorando ações de combate ao tráfico de drogas, de controle de massas em manifestações e até mesmo das atividades sócio-educativas, de cunho preventivo.

O ex-prefeito, Paulo Mendes, se disse muito orgulho de ser testemunha do quanto a Guarda Municipal evolui, se transformando ao longo desse tempo na mesma velocidade com que as questões sociais e a população caminharam. Lembrou que a corporação é uma referência em todo o país, sendo chamada a participar de eventos e levar sua experiência a cidades em todos os estados brasileiros. “Chegamos até aqui, com sucesso, pela competência da vocação daqueles homens que lá atrás, abraçaram a profissão”, justificou enfatizando que “o povo tem respeito, admiração e reconhece a importância da GCM para a cidade”.

Ao homenagear seus companheiros, o comandante da GCM, Benedito Zanin, valorizou o desenvolvimento da corporação num trabalho integrado e irmanado junto às forças de segurança do município. Segundo Zanin, a história da Guarda Municipal caminha ao lado da própria instituição das guardas municipais no Brasil, que está completando três décadas. Nisso, valorizou o investimento que as administrações públicas fizeram no serviço e, principalmente, o aprendizado compartilhado com as polícias Militar e Civil, sempre buscando o bem maior, o bem da comunidade. “Para nós, que levamos nossa experiência a tantas outras cidades que nos procuram, é um orgulho saber que essa referência é resultado de uma atuação séria e que inspira confiança”, garantiu.

Também estiveram presentes à comemoração, compondo a mesa, a vice-prefeita, Edith Di Giorgi; o secretário de Governo e Segurança Comunitária, João Leandro da Costa Filho; o vereador Fernando Dini, representando o Legislativo; o Cel. Marcos Antonio Ramos, do 7º BPM-I; o delegado Júlio Vieira Guebert, diretor do Deinter 7; e o deputado federal eleito, Vitor Lippi.

Prevenção

Durante esta semana, a GCM promoveu ações educativas junto à população, na área central. Dotada de grupos de Formação Cidadã que agem preventivamente junto a segmentos de toda natureza, privilegiando a infância e a juventude, a Guarda Civil montou atrações na Praça Coronel Fernando Prestes. Além do pessoal do Teatro de Fantoches e da turma da alegria que faz esculturas de bola de bexiga, também o Cão Terapeuta, Maike, alegrou as pessoas que passaram pelo local.

Além de servir como distração para o público, que se aproxima para fotos, faz brincadeira e se diverte, a presença dos GCMs, vestidos de personagens conhecidos do público, é uma oportunidade para a apresentação de questões importantes sobre segurança, o uso de cerol em pipas e o perigo do uso de drogas.

“Este é um trabalho que recebe aceitação total por parte da população e, para nós, é mais um reforço na manutenção e até mesmo ampliação dessas atividades”, disse o comandante Zanin. Além de se apresentar na rua, os Grupos de Formação Cidadão, composto por voluntários, também atendem escolas, empresas e outras instituições que pedem a participação da GCM no incentivo e na construção da cidadania.

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias

Anúncios