Tags

, ,

Sorocaba confirmou mais uma vez nas eleições de ontem a predominância do PSDB na preferência dos eleitores. O partido tucano ficou na frente no município na votação para presidência da República, Senado, Governo do Estado e ainda teve os dois deputados mais votados (estadual e federal).

O candidato Aécio Neves despontou na preferência dos sorocabanos, com 44,4% dos votos (145.913). Geraldo Alckmim, candidato à reeleição, somou 163.205 votos, o que correspondeu a 53,46%. Dos 446.321 eleitores aptos a votar, 75.404 não compareceram e não tiveram o seu voto registrado, com um índice de 16,9% de abstenção.

Para o governo do Estado, Paulo Skaf (PMDB) ficou em segundo lugar em Sorocaba, com 27,2% dos votos (83.117). O candidato do PT, Alexandre Padilha, veio na sequência, com 15,81% do eleitorado (48.252). O índice de votos nulos chegou a 10,21% (37.859) e de brancos 7,44% (27.594). Já para a presidência da República, a candidata Marina Silva (PSB), ficou em segundo lugar na preferência dos eleitores sorocabanos com 28,2% (97.790 votos). A presidente Dilma Rousseff (PT), que estará na disputa do segundo turno junto Aécio Neves, ficou em terceiro lugar na votação em Sorocaba, com 21,4% (70.295 votos). O índice de votos nulos para presidente ficou em 6,72% (24.927) e brancos 4,72% (17.498).

Senador: A força tucana entre o eleitorado sorocabano também ficou comprovada na eleição para senador. O ex-governador José Serra teve a grande maioria dos votos na cidade (55,65%), com um total de 150.262. Em segundo lugar veio o candidato do PT, Eduardo Suplicy (33,15%), que somou 89.050 votos. Gilberto Kassab (PSD), fiou com apenas 7,8% do eleitorado (21.050 votos).

O índice de votos brancos e nulos para o Senado ficou bem acima das votações para os cargos majoritários. De acordo com balanço divulgado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), 60.018 eleitores anularam o seu voto para senador em Sorocaba, o que representou 16,1%. Os votos brancos somaram 40.700 (10,98%).

Deputados mais votados: Os dois deputados mais votados em Sorocaba também são do PSDB. Maria Lúcia Amary foi eleita para o seu quarto mandato na Assembleia Legislativa com um total de 120.308 votos, sendo 68.350 deles em Sorocaba, figurando como a mais votada no município para a Assembleia do Estado, com 24% dos votos. Segundo Maria Lúcia, que responde também como presidente do diretório municipal do PSDB, essa predominância de candidatos eleitos pelo seu partido é uma resposta ao mau desempenho da política petista, que não recebe o apoio do povo paulista. “O PSDB construiu uma história sólida em Sorocaba, o que pode ser comprovado com a expressiva votação obtida nestas eleições. Agora é trabalhar para elegermos o nosso candidato a presidente no segundo turno.”

O ex-prefeito Vitor Lippi, que pela primeira vez concorreu como deputado federal, também obteve a maior votação na cidade. Ele foi eleito para seu primeiro mandato na Câmara dos Deputados com 176.153 votos, sendo 111.374 de Sorocaba, o que correspondeu a 36,9% dos votos do município. Lippi disse que apesar do desgaste que ele sofreu nos últimos dois anos, com o seu nome envolvido denúncias de seus opositores, o resultado das urnas demonstrou que o eleitor confia no seu trabalho. “Só tenho a agradecer a confiança de todos esses eleitores e garantir que vou trabalhar em Brasília em benefício da nossa região.”

Fonte: Jornal Cruzeiro do Sul

Anúncios