Tags

Em reunião realizada durante o período da manhã desta quarta-feira (18), no gabinete do prefeito Antonio Carlos Pannunzio, o Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGIM), apresentou dados relativos à segurança no município de Sorocaba, no último trimestre.

O encontro, que foi presidido pelo prefeito, reuniu os comandantes das forças policiais, secretários municipais e líderes das equipes operacionais policiais e da Guarda Civil Municipal.

Na pauta de discussões, além de apresentação dos números da Operação Delegada no período, o encontro serviu para definição de estratégias voltadas à melhoria das ações e também medidas preventivas de segurança na cidade.

Alguns dos indicadores apresentados mostram que Sorocaba mantém níveis baixos se comparado a cidades do mesmo porte.

Logo na abertura dos trabalhos, o prefeito Antonio Carlos Pannunzio agradeceu a presença de todos, destacando o projeto de videomonitoramento, atuando em conjunto com as centrais setoriais de segurança, orientação a população.

Falou também sobre o decreto que nomeia o núcleo de monitoramento inteligente.

A vice-prefeita e secretária de Desenvolvimento Social, Edith Maria Di Giorgi, fez uma breve apresentação das principais ações e projetos desenvolvidos por sua pasta e do trabalho integrado que é realizado em Sorocaba, envolvendo o Sistema Único de Assistência Social (Suas) e Sistema Único de Saúde (SUS), norteados em dois eixos: Assistência Social e Defesa dos Direitos.

Em seguida, o prefeito abriu para que cada participante falasse sobre as ações desenvolvidas e resultados apontados, dentro da Operação Delegada nos últimos três meses.

A Policia Ambiental, por exemplo, registrou mais de 3 mil atendimentos, resultando em mais de 500 autuações, somando cerca de R$ 9 milhões.

Um dado interessante é que muitas dessas autuações referem-se a construções em área de preservação. Outra constatação da Policia Ambiental é o crescimento no volume de denúncias de maus-tratos a animais, registrando entre 1.000 no trimestre.

Já o capitão Ivan Godinho, do Corpo de Bombeiros, sugeriu a criação e capacitação profissionais para atuação emergencial em grandes eventos, como a Copa do Mundo.

O delegado seccional de Polícia em Sorocaba, Marcelo Carriel, elogiou o trabalho da Operação Delegada, ressaltando a maior eficiência da segurança preventiva, através do trabalho unificado.

Já o diretor do Núcleo de Perícias Criminalísticas de Sorocaba, José Augusto Marinho Mauad, anunciou que Sorocaba será uma das quatro cidades do Estado beneficiadas com um centro de excelência de peritos e ainda que a construção do novo prédio da Polícia Científica deve começar no segundo semestre de 2014, além de novos equipamentos e laboratórios que vão permitir maior rapidez nos trabalhos.

Também falaram sobre a repercussão do trabalho da Operação Delegada em seus respectivos setores, os secretários municipais Francisco Moko Yabiku (Esportes), João Leandro da Costa Filho (Governo e Segurança Comunitária), Clebson Ribeiro (Serviços Públicos), o presidente da Urbes, Renato Gianola, o comandante da Guarda Civil Municipal, Benedito Zanin e José Eduardo Caccace Júnior, presidente do Conselho Tutelar.

O prefeito Antonio Carlos Pannunzio considerou a integração das forças de segurança como fator preponderante para manutenção da segurança, elogiou os resultados alcançados, reforçando que o trabalho deve ser ainda mais intenso para melhorar mais. Agradeceu a presença e a colaboração de todos, desejando boas festas.

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias

Anúncios