Tags

O prefeito Antonio Carlos Pannunzio esteve, na manhã desta sexta-feira (08), fiscalizando as duas obras habitacionais em execução na cidade que, ao todo, beneficiará 464 famílias com moradias.

A primeira a receber a visita do prefeito foi o “Residencial Bem Viver”, localizado na Rua Jorge Elias, 180, atrás da igreja católica do Cajuru. “O vazio urbano é um projeto que não leva apenas a moradia para determinada região da cidade, mas, principalmente, toda uma Infraestrutura, como creche, escola, UBS, além de saneamento básico para a região dos novos moradores”, afirmou o prefeito.

O empreendimento está sendo erquido numa área de de 8,2 mil metros quadrados. Serão construídas nove torres com 16 apartamentos cada, totalizando 144 moradias, num investimento de mais de R$ 14 milhões. Além da área destinada ao estacionamento, que disponibilizará uma vaga de carro por habitação, a novidade no local ficará por conta da área de lazer, que terá churrasqueira, quadra poliesportiva, playground, entre outros atrativos.

Em seguida, o prefeito visitou a área do futuro “Residencial Parque da Mata”, localizada na Rua Serafim Banieti, próximo ao Horto Florestal. O empreendimento contará com 20 torres para abrigar, ao todo, 320 apartamentos, num investimento superior a R$ 32 milhões.

A área do empreendimento é de 41.300 m² e já conta com o serviço de terraplanagem em estágio avançado. Em breve, iniciam-se os trabalhos de colocação das estacas.

Ambos os residenciais, que têm prazo de entrega até dezembro de 2014, são obras habitacionais do governo Pannunzio, que pretende construir mais de 5 mil habitações até o final de 2016. “Nós tomamos a decisão de tomar cuidado com a expansão urbana da cidade, até porque nos resta menos de 15% de área da cidade de zona rural. Portanto, antes de alargar os horizontes da zona urbana, vamos ocupar os chamados vazios urbanos. Daí a importância da construção de conjuntos habitacionais como esses”, explicou o prefeito.

Demanda habitacional:  No primeiro semestre, a Secretaria da Habitação e Regularização Fundiária (Sehab) concluiu a primeira fase da pesquisa de demanda habitacional de Sorocaba, com o registro – via internet – de mais de 30 mil famílias (300 somente na região do Éden/Cajuru), por meio do Programa Nossa Casa, que faz parte da revisão do Plano de Ação da Sehab. As inscrições seguem abertas e os interessados devem acessar o Portal da Prefeutura: sorocaba.sp.gov.br.

Também acompanharam a visita do prefeito às obras habitacionais o secretário Helio Godoy (Sehab) e o secretário-chefe de Gabinete do Poder Executivo, Rodrigo Maldonado.

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias

Anúncios