Tags

A presidente do Fundo Social de Solidariedade (FSS), Maria Inês Moron Pannunzio, visitou nesta semana a CEI 86, Jorge Luís Prestes Del Cístia, mais conhecida como creche 24 horas, onde foi recebida pela diretora Glaucia Renata Albarossi Scarpelli e a orientadora pedagógica Maria Aparecida Cajueiro de Souza.

Essa foi a primeira de uma série de visitas, que Maria Inês fará, com o objetivo de conhecer de perto o trabalho cotidiano realizado nas creches.

“A creche se configurou como um grande desafio, principalmente pela demanda reprimida. Já existem vários prédios sendo construídos, estamos procurando atender a todos os inscritos e aos pedidos de transferência para atender a necessidade de proximidade da criança com sua casa e a família. Pretendemos atingir um patamar de quantidade e qualidade bem satisfatório”, afirmou a secretária da Educação, Dulcina Guimarães Rolim.

Segundo dados da pasta, estão previstas para inaugurar este ano 18 creches, sendo 14 prédios inteiramente novos e quatro ampliações, que atenderão em média 110 crianças cada. Atualmente são 50 unidades de educação infantil que atendem 7.446 crianças.

A presidente do Fundo Social, que neste governo está atuando em parceria com a Secretaria da Educação na área de creches, falou do foco de seu trabalho neste setor. “Existe uma preocupação muito grande do prefeito Antonio Carlos Pannunzio em ampliar o número de creches, mas nosso foco também é aumentar esse número sem perder a qualidade pedagógica, já que as creches são espaços essencialmente educativos”, disse Maria Inês.

Fonte: Agência Sorocaba de Notícias

Anúncios