Tags

, ,

O vereador afastado Emílio Ruby (PSC) ainda não foi notificado sobre abertura do processo de cassação. Apesar disso, o presidente da comissão do processo, Anselmo Neto (PP), garantiu que termina os trabalhos antes do final do ano.

A expectativa era que Ruby fosse à Câmara para receber a notificação nesta segunda-feira (29), mas isso não aconteceu. Diante disso, Neto explicou que a notificação será publicada no Jornal do Município de sexta-feira (2). “Mas o vereador precisa estar na cidade. Se ele não estiver, publicaremos na outra sexta (9) de novo e, ai sim, o prazo de 90 dias começa a ser contado”.

A informação é que Ruby esteja no Paraná, em visita a parentes.

Andamento: Neto revelou também que ainda não recebeu o pedido da defesa, que sugere o afastamento de Ruby por 60 dias, sem o recebimento do salário, anulando o processo de cassação. “A comissão não recebeu nenhum pedido porque eles foram entregues para Comissão de Ética. Agora é um novo procedimento”.

O parlamentar também afirmou que as testemunhas já ouvidas na Comissão de Ética e Decoro Parlamentar não serão chamadas para depor novamente. “Se a defesa trouxer novas testemunhas, com fatos novos, nós ouviremos”.

Comissão: A abertura do processo de cassação foi aprovada na terça-feira (23) e foi formada a comissão para analisar o caso, que tem Anselmo Neto (PP) como presidente e Irineu de Toledo (PRB), como relator, além de Francisco Moko Yabiku.

Fonte: Jornal Ipanema

Anúncios