Tags

,

Em janeiro de 1971, o engenheiro e político Rubens Paiva se tornou mais um dentre os tantos perseguidos políticos a desaparecerem sob a tutela do regime militar – de um total de 379 pessoas que perderam a vida, segundo o portal Desaparecidos Políticos. Agora, a Câmara dos Deputados pretende homenagear o ex-deputado federal com a aquisição de um busto de bronze e a elaboração de uma biografia, no âmbito das séries “perfis parlamentares”.

A aquisição do busto está orçada em RS 24 mil e a peça será feita pelo artista plástico piauiense Clauberto Antonio dos Santos. Ele é conhecido por já ter feito várias obras para órgãos públicos do Piauí, como a confecção de estátua de bronze de Tiradentes, em 2008, e ter assinado contrato para a produção de uma pintura em óleo sobre tela, que deve ornamentar a galeria de vereadores ex-presidentes da Câmara Legislativa de Teresina.

Quanto à biografia, que corresponde aos outros R$ 24 mil, esta está a cargo do jornalista Jason Tércio. O valor se destina a serviços que compreendem pesquisa de campo, organização das informações e pesquisa bibliográfica, além de redação da obra. As tarefas talvez se mostrem simples, afinal, o escritor já publicou um livro sobre a vida e morte de Rubens Paiva antes (“Segredo de Estado – O Desaparecimento de Rubens Paiva”, editora Objetiva).

A Câmara também separou R$ 25,9 mil para a compra de mobiliário novo: R$ 19,2 mil na aquisição de 12 poltronas, R$ 5,1 mil em seis banquetas e R$ 1,6 mil em um couch/sofá, modelos Barcelona com cor preta. Para prestação de serviços de limpeza e conservação em imóveis funcionais da Casa, com fornecimento de materiais, serão desembolsados R$ 2,4 mil.

A Secretaria Geral da Presidência da República, por sua vez, gastará R$ 2,8 mil na compra de 170 bolsas em lona crua – por meio de dispensa de licitação –, com as especificações de terem alça, fechamento com botão metálico com imã, bolsa interna fechada com zíper e medirem 30 x 40 cm. Já a Secretaria de Administração da Presidência pretende desembolsar R$ 368,7 mil na compra de 8 veículos utilitários da marca Kombi 1.4 totalflex, da Volkswagen.

Outra Secretaria, a do Superior Tribunal de Justiça, deverá onerar os cofres públicos em R$ 105,8 mil na contratação de serviços de organização de eventos. Serão R$ 28,1 mil para o encontro de diretores e coordenadores pedagógicos das escolas, R$ 48,5 mil para o XXVII Encontro do Copedem e R$ 29 mil para o evento “atualização em direito eleitoral”.

Já o Supremo Tribunal Federal prevê a compra de três fogões elétricos, tipo cocktop, com acabamento de mesa vitrocerâmica lisa, controles digitais e quatro áreas de decocção: o valor total será de R$ 7,2 mil. Por fim, também estão previstos os gastos de R$ 79 mil com serviços de limpeza de veículos, com fornecimento de material.

Confira aqui as notas de empenho da semana.

Fonte: Yuri Freitas do Contas Abertas em 22/04/2012