Tags

A Comissão de Estudos sobre os Parquímetros visitou, na quarta-feira, 21, a cidade de Piracicaba para conhecer o sistema de parquímetros utilizado no gerenciamento da Área Azul do município. O vereador Marinho Marte (PPS), presidente da comissão, foi acompanhado pelos vereadores Anselmo Neto (PP), Claudio do Sorocaba I (PR), Francisco França (PT) e José Crespo (DEM), membros da mesma. Os vereadores foram recebidos na Secretaria Municipal de Transportes pelo titular da pasta, o arquiteto Paulo Roberto Coelho Prates, responsável pela implantação do sistema no município.

   “Foi uma visita muito proveitosa, pois pudemos conhecer em detalhes o sistema de parquímetros de Piracicaba, que permite um controle detalhado de toda a Zona Azul do município, por meio de uma central informatizada”, explica Marinho Marte. A comissão recebeu cópias do edital de licitação do sistema de parquímetros de Piracicaba, com todas as informações técnicas sobre o funcionamento do sistema. Os demais vereadores que integram a comissão também consideraram o sistema de parquímetros do município bastante avançado e disseram que a visita foi muito positiva.

   “Conversei com comerciantes da região central de Piracicaba e ouvi elogios ao parquímetro da cidade, o que significa que o sistema foi bem aceito pela população”, observa Marinho Marte. Os vereadores também receberam informações técnicas sobre o sistema de semáforos inteligentes que já foram implantados nas principais vias do município. “A cidade dispõe até de semáforos para daltônicos”, conta Marinho Marte, que é autor de lei instituindo o semáforo sonorizado para deficientes visuais em Sorocaba.

   Sistema computadorizado – Com 370 mil habitantes, Piracicaba conta com 143 parquímetros, que começaram a funcionar em 1º de dezembro de 2011. “O sistema é todo informatizado e cada máquina fornece informações detalhadas sobre os veículos que se utilizam da Zona Azul”, explica Marinho Marte. Um telão instalado na Secretaria de Transportes permite controlar inclusive o trabalho das 48 monitoras encarregadas de fiscalizar o uso dos parquímetros e orientar os motoristas. Mas as multas, quando é o caso, não são aplicadas por elas e, sim, por agentes de trânsito. Há vagas para deficientes e idosos.

   O parquímetro é um equipamento eletrônico que serve para controlar o estacionamento de veículos, substituindo o controle manual feito por agentes de trânsito. Em Piracicaba, os equipamentos, localizados a uma distância máxima de 50 metros um do outro, aceitam moedas a partir de 5 centavos e o valor do estacionamento varia de R$ 1,00 (30 minutos) a R$ 2,00 (120 minutos). Segundo a Secretaria de Transportes de Piracicaba, a instalação dos parquímetros reduziu o volume de multas.

   O vereador Marinho Marte informa que a comissão irá analisar o edital e demais informações técnicas referentes aos parquímetros de Piracicaba e irá confrontar esses dados com os parquímetros de outros municípios. Modelos semelhantes ao de Piracicaba já foram instalados em cidades paulistas como São Carlos, Rio Claro e São José dos Campos e também em Porto Alegre, no Rio Grande do Sul. O objetivo dos trabalhos da comissão, segundo Marinho Marte, é contribuir para que Sorocaba tenha o melhor sistema de parquímetros do país.

Fonte: Site da Câmara de Sorocaba em 22/03/2012

Anúncios